sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Os 24 lugares mais surreais do planeta

Os 24 lugares mais incríveis e surreais que existem no planeta Terra


1. Gêiser ‘Fly’ – Localização: Nevada, EUA
Foto: WikimediaFoto: Wikimedia
Não é um fenômeno totalmente natural, foi na verdade acidentalmente criado por perfuração de poços. O poço não foi tampado corretamente e os minerais começaram a borbulhar, criando seu formato diferenciado.

Continue lendo esse artigo em:  
http://www.portaldomeioambiente.org.br/noticias/imagem/7483-os-24-lugares-mais-incriveis-e-surreais-que-existem-no-planeta-terra

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Concentração e aprendizagem

Concentração e aprendizagem

Publicado . em Maurício Andrés Ribeiro

Por  Maurício Andrés Ribeiro*
A concentração é a capacidade de focalizar a mente num tema ou objeto. É uma habilidade relevante para que se aprenda algo.  Concentrar-se implica em dedicar atenção, não se distrair, dispersar ou divagar.
Para se concentrar é necessária alguma capacidade de isolamento, de abstração, de estar presente inteiramente no agora, sem estar preso ao passado ou preocupado com o futuro. A tranquilidade e serenidade mental e emocional também facilitam a concentração e a aprendizagem. O ambiente silencioso das bibliotecas propicia boas condições ambientais para a concentração; em contraste, a pressa, a agitação e o barulho, bem como a ansiedade e a preocupação a dificultam.  O êxito de atletas, de artistas e cientistas depende em parte de sua habilidade de concentração. O sábio hindu Swami Vivekananda dizia que sem concentração da mente nada pode ser aprendido.
O que fazer para criar um ambiente propício à concentração mental e emocional, facilitador da aprendizagem?

o que nos incomoda, por que nos incomoda? (o paradoxo do criador de problemas)

 

“Tudo que nos irrita nos outros pode nos levar a um maior entendimento de nós mesmos” 

(da obra Memories, Dreams, Reflections, 1963, do psiquiatra suíco Carl Jung - 1875-1961)







o verso 99 do Capítulo 6 (Paciência), de “O Caminho do Bodisatwa“, de Shantideva:

Então, esses que me difamam
E vem destruir meu orgulho
Estão envolvidos em me proteger
De entrar nos reinos infelizes.

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Liberdade: rua, manifestações e omissão do Estado

Geral

Liberdade: rua, manifestações e omissão do Estado geram debate

Uso da violência reforça discussão sobre a falência e ausência das instituições públicas

Anonimato ofusca a intenção de engajamento coletivo por uma causa e incendeia as ações marginais                              Aceituno Jr.

A depredação e a exacerbação da violência nas ruas reforça o duplo sentido da falência do poder público, o de gerar revolta por não ser capaz de dar respostas às necessidades básicas da sociedade e o de errar, na origem, na formação dos cidadãos.
A discussão dos limites da liberdade nos movimentos sociais, entre mais de uma vertente teórica, acadêmica ou não, aponta para o ensinamento dos antepassados: A palha só pega fogo se está seca.

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Doenças e estresse

Pergunta a Osho:

"Fico doente com muita facilidade e acho que isso tem relação com o fato de me esforçar demais. Quando isso acontece, não me sinto mais conectado ao meu centro e o corpo adoece."

Todo mundo tem de entender o funcionamento do próprio corpo. Se está tentando fazer algo além do que o seu corpo pode tolerar, mais cedo ou mais tarde ficará doente.

Existe um limite para o que você pode impingir ao corpo, então chega o momento em que ele não aguenta mais. Pode estar trabalhando demais. Para as outras pessoas, pode não parecer que você está trabalhando tanto, mas isso não interessa. O seu corpo não aguenta tanto esforço, você tem de descansar.

Lei anticorrupção em vigor!



Lei anticorrupção traz nova era de responsabilidades a empresários


Nova legislação dá um tratamento mais rígido aos atos ilícitos cometidos na iniciativa privada e prevê até dissolução de empresas



Uma lei que entrou em vigor no dia 29 de janeiro promete mexer onde mais dói para empresários envolvidos em atos de corrupção com o poder público: o bolso. Considerada muito rígida por alguns, a lei 12.846, conhecida como lei anticorrupção empresarial, prevê a responsabilização objetiva de pessoas jurídicas, multa de até R$ 60 milhões e até a dissolução da empresa em caso de reincidência. Para especialistas, o projeto, aprovado em julho do ano passado pelo Senado, deverá inaugurar uma nova era de responsabilidades para o empresariado nacional.

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

A única mudança possível


O Brasil e a mudança possível
 
publicado no Jornal da Cidade (Bauru) em 21/02/2014

Que diagnóstico a ciência política e a sociologia fariam da realidade brasileira? Estamos melhorando ou piorando? Somos conhecidos, histórica e culturalmente, como a nação do autoritarismo, da roubalheira, do enriquecimento indevido, do parasitismo, da malandragem e do segregacionismo étnico e socioeconômico. Essa herança cultural é irrefutável? Isso tudo pode mudar?


domingo, 16 de fevereiro de 2014

quer mudar o mundo?

excelente conselho para todos os revolucionários, de todos os partidos políticos, de todas as seitas, de todas as instituições, de todos os cantos do mundo...
para todos os que sonham em mudar o mundo, nada mais coerente do que começar por si mesmo, não acha?
por que até hoje o mundo não mudou? talvez porque, em geral, todos estão esperando que "o outro" mude primeiro... achamos que se "o outro" mudar, aí sim, nós teremos as condições prá mudar também...
mal percebemos que o outro é apenas o espelho onde cada um de nós se reflete, se espelha, de modo inconsciente e parcialmente... mas inexoravelmente um reflexo.

silvio mmax.


Cada um, mude apenas a si mesmo



Pergunta a Osho:

É possível tentar mudar o mundo para salvá-lo, sem ser agressivo?

Isso já é agressivo. Até mesmo o esforço de mudar um único indivíduo é agressivo. Quem é você para decidir o que está certo para determinada pessoa? Quem é você para decidir que o mundo, se for mudado segundo as suas ideias, será um lugar melhor? Você está assumindo o papel de um salvador, e essa é uma maneira inconsciente de dominar as pessoas. É para o bem delas próprias, é claro, para que não se rebelem contra você.

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Somos escravos do que não conhecemos: o valor da meditação

Logo abaixo, tratamos brevemente sobre "se tornar a testemunha pura“: 
Isso não é uma meta, é um estado percebido, conforme a identificação com estados impermanentes vai diminuindo. 
Nesse breve trecho da entrevista*, fica clara a relevância da prática da meditação enquanto experiência de familiarização com o mundo interno de pensamentos e sentimentos.

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

sociedade e liberdade: o perigo do autoconhecimento

lembretes para quem quer se autoconhecer...

Primeiro: conhecer a si mesmo é a coisa mais difícil. Não deveria ser assim. Deveria ser exatamente o oposto — a coisa mais simples. Mas não é — por muitas razões. Tornou-se tão complicado, pois você investiu tanto na auto-ignorância que parece quase impossível retornar, voltar à fonte, encontrar a si mesmo.

o iluminado e o inocente

Nesta palestra, E. Tolle explica algo sobre a distinção entre o estado de consciência do iluminado e o estado de consciência daquele que sequer desenvolveu o ego e que, portanto, não é tampouco prisioneiro da mente. 

Esse tipo de 'tolo' (do tipo Forrest Gump) nos remete a ideia de uma pessoa que desenvolveu muito pouco essa segunda natureza que chamamos ego e que, de certo modo, vive como se ainda estivesse no paraíso. Ele não sente falta da iluminação, porque, de certo modo, vive num estado parecido (em paz e feliz, no presente).

O palestrante também fala da "felicidade por ser ninguém", ou seja, o sentimento que se experimenta quando não se tem a necessidade de "projetar-se", a necessidade que o ego tem de sentir-se "alguém", algo especial... a completa manifestação da simplicidade como dito no célebre livro sagrado chinês "Tao Te King"... 
Muito interessante!! Aconselho que assista!


Ilha de plástico no Pacífico

Ilha de lixo no oceano Pacífico aumentou 100 vezes de tamanho

Área de 'lixão' no meio do oceano é maior que a de Minas Gerais. Poluentes estão atrapalhando a sobrevivência da vida marinha.

Da AFP

O enorme redemoinho de lixo plástico flutuante do norte do Pacífico aumentou cem vezes nos últimos 40 anos, revelou um artigo que será publicado nesta quarta-feira (9). Cientistas alertam que a "sopa" de microplástico - partículas menores a que cinco milímetros - ameaça alterar o ecossistema marinho.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

micro-ensaio sobre uma psicose coletiva

A psicose coletiva


Como se define um estado psicótico?
O aspecto fundamental da psicose é a perda do contato com a realidade. 
Os psicóticos, quando não estão em crise, zelam pelo seu bem estar, alimentam-se, evitam machucar-se, têm interesse sexual e estabelecem contato com pessoas reais. Isto tudo é indício da existência de um relacionamento com o mundo real. 
A psicose propriamente dita começa quando o sujeito passa a "relaciona-se" com pessoas ou coisas que não existem concretamente, mas apenas em sua imaginação doentia. Seu comportamento passa a ser incompreensível, ao mesmo tempo em que a realidade patente significa pouco ou nada para ele.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

espoliação de terras indígenas: prática remota e moderna

Relatório Figueiredo revela que famílias tradicionais se apossaram de terras indígenas no MS

Publicado . em Ecologia Humana
Depoimentos feitos em CPIs que funcionaram em 1955 e em 1962 indicavam que terras indígenas foram arrendas ou vendidas com o aval do Estado.

Dourados, MS - O Relatório Figueiredo, produzido em 1967 e redescoberto recentemente, já descrevia detalhadamente os conflitos agrários em terras indígenas que atualmente são base da violência no campo registrada no Mato Grosso do Sul. O documento aponta que nas duas comissões parlamentares de inquérito, que funcionaram em 1955 e em 1963, terras indígenas eram arrendadas ou vendidas, com aval do Estado, responsável por emitir os títulos.

Princípio da igualdade e o sistema de cotas





 

Abaixo segue um interessante artigo no qual o pesquisador abordou alguns dos fundamentos sociológicos e antropológicos de uma das políticas afirmativas mais polêmicas das últimas décadas: o sistema de cotas para minorias étnicas no Ensino Superior brasileiro.
Artigo indicado para estudantes da antropologia cultural brasileira.

  

 

Princípio da igualdade e o sistema de cotas para negros no ensino superior


Publicado em .


INTRODUÇÃO

O século XVIII foi proficiente no reconhecimento de direitos pertencentes a todos os homens, erigindo como único fundamento o fato de pertencerem estes ao gênero humano. É a partir daí que começa a ser firmada uma melhor compreensão da essência do homem baseada em princípios que vão necessariamente compor os discursos de ordem política, filosófica, social e jurídica. Três desses princípios sintetizam todos os direitos fundamentais do homem e pretendem ser universais: Liberdade, Igualdade e Fraternidade. Uma nova consciência passou a dominar o espírito dos homens desde o advento da Revolução, ocorrida na França, até a emissão do seu célebre documento: a Declaração de Direitos do Homem e do Cidadão. A intenção maior dos revolucionários da época era a remoção das desigualdades estamentais que perpetuavam os privilégios de uns ao mesmo tempo em que tornavam inelutáveis o aviltamento de outros.

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Blue Eyes - Brown Eyes

Imperdível documentário!

Produzido pelo premiado diretor alemão Bertram Verhaag, mostra um exercício sociológico conduzido pela professora e socióloga norte-americana Jane Elliot, que dedicou sua vida à luta contra o preconceito, a ignorância e o racismo.


Elliott ganhou um Emmy pelo documentário de 1968 "The Eye of the Storm", em que aplicou um exercício de discriminação numa sala de aula da terceira série, baseada na cor dos olhos das crianças. Hoje aposentada, realiza workshops sobre racismo para adultos.

 


Tudo começou quando Elliott resolveu realizar na pequena escola na cidade de Riceville onde lecionava, no interior do Estado de Iowa - EUA, no dia 5 de abril de 1968, uma experiência que se tornou inesquecível para seus alunos, famílias e para o mundo todo. No dia anterior, ocorrera o assassinato de Martin Luther King. 
Jane Elliott resolveu aproveitar a oportunidade para expressar seu inconformismo em relação ao preconceito e racismo da sociedade norte-americana. Determinada a levar as situações até o limite, ela elaborou uma dinâmica para realizar com seus alunos do ensino elementar na manhã seguinte.
               - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -


No documentário intitulado "Olhos Azuis", a professora norte-americana Jane Elliott repete a experiência com adultos, promovendo propositadamente um "exercício de discriminação pela cor dos olhos". 
Deste modo, ela acaba por denunciar a hipocrisia de uma sociedade que se acredita justa e civilizada, mas que na realidade em seu dia a dia, encontra-se impregnada de práticas preconceituosas, assim como já havia denunciado tantos outros, incluindo Martin Luther King, assassinado justamente por esse motivo. 
Sua dinâmica nos causa um choque psicológico que nos faz pensar seriamente sobre a questão. Ela começa colocando pessoas de um grupo controlado para sentirem na pele o que as minorias sentem todos os dias de suas vidas, produto desse meio social que dilacera as minorias e as põem como inferiores. As implicações são fantásticas... 
Imperdível!! Assista!

domingo, 9 de fevereiro de 2014

o Sagrado e o momento presente

A percepção do Sagrado

Nossa civilização está prisioneira da 'dimensão da análise'. Rotulamos tudo compulsivamente... pessoas, situações, relacionamentos...
É desta forma que acabamos perdendo a dimensão sagrada que está na natureza...
Assim, nossa vida acaba reduzida ou formatada a um tipo de 'realidade conceitual' na qual os rótulos nos dão uma ilusão: a ilusão do conhecimento, a ilusão de saber...
tudo acaba tendo que passar pelo filtro do pensamento... O passado é uma modalidade de forma-pensamento; o futuro é um tipo de forma-pensamento...
ninguém jamais encontrou o futuro, exceto pelo pensamento.
o presente é o sagrado! é o único lugar onde a dimensão do sagrado pode ser contactada. Isso só acontece no Agora! Porém, tal encontro nosso com o Sagrado só ocorre se estivermos no Agora, ou seja, percebendo o silêncio em nós (sem a mente projetando suas formas-pensamento de futuro e passado).
então, é nosso dever aprofundar nossa consciência dessa dimensão, a percepção dessa dimensão que é o Sagrado.
Quando nos tornamos 'presentes', o Sagrado está em qualquer lugar, quando estamos vivendo o presente sem projeções, o Sagrado está em qualquer ser, em qualquer situação!
A vida não é o que sua mente lhe diz que ela é.

Este breve vídeo trata da percepção do Sagrado e sua relação com o momento presente



sobre o presente, veja também o seguinte vídeo:


sábado, 8 de fevereiro de 2014

Avanços da cidadania

Avanços da transparência, do controle e do combate à corrupção


Publicado em 06 Fevereiro 2014
Realmente é muito contraditório que na mesma proporção que o País avança na transparência e no controle sobre os agentes políticos – facilitando a descoberta e a punição dos desvios – aumente a desilusão e o descrédito com a política e com suas instituições, a ponto de as pessoas não apenas evitarem de participar mas desqualificarem a política.
Antônio Augusto de Queiroz*
O Brasil, desde a redemocratização, já avançou muito em termos de transparência, de controle e de combate à corrupção. Mas ainda está longe do pleno controle social e do fim da impunidade.

Vai ter Copa. Só não para você

Vai ter Copa. Só não para você


CONGRESSO EM FOCO | 31/01/2014 08:05
Edemilson Paraná *
Evento privado, gasto público, lucro privado. A “Copa das Copas” vai acontecer, já aconteceu, já está acontecendo. Pelo menos para a Fifa. Uma projeção feita pela BDO (empresa de auditoria e consultoria especializada em análises econômicas, financeiras e mercadológicas) aponta que a Copa do Mundo de 2014 no Brasil vai render para a entidade, que supostamente não tem fins lucrativos, a maior arrecadação de sua história: nada menos do que US$ 5 bilhões (cerca de R$ 10 bilhões). O valor é 36% superior em comparação ao montante obtido com o Mundial da África do Sul (US$ 3,6 bilhões), em 2010, e 110% maior do que o arrecadado na Copa de 2006, na Alemanha, que rendeu US$ 2,3 bilhões. Os números foram confirmados pelo secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, em entrevista coletiva realizada em junho de 2013.

primeiros efeitos da Lei Ficha Limpa no Maranhão

Lei da Ficha Limpa eliminou 2.500 gestores e ex-gestores da disputa eleitoral no Maranhão

Publicado em: 02/02/2014

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão já finalizou seu levantamento dos gestores e ex-gestores que possuem condenação em suas contas e portanto, não poderão participar da eleição de outubro de acordo com o que determina a Lei Ficha. A listagem está neste momento com cerca de 2,5 mil nomes, mas ainda pode ser aumentada ou diminuída caso até o período de registro de candidaturas mais gestores tenham condenação ou algum consiga sanar as pendências de suas contas. Um calhamaço de 298 páginas traz a lista que nenhum político gostaria de compor. O Tribunal está se preparando para receber as prestações de conta dos gestores relativas ao exercício de 2013.

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

O que você tem feito com o seu tempo?


Seguimos resignados...
não nos resta outra escolha a não ser assumirmos nosso "papel" na sociedade,
nos esforçamos para atender as expectativas de tantos... vivemos obcecados por atendê-las, vivemos ansiosos e em busca de reconhecimento...
construímos nossas vidas sobre estruturas que já existiam aqui quando chegamos: é a estrutura chamada "cultura"... hoje já somos uma peça dessa estrutura.
será que a única alternativa é aceitar essa condição?
o que fazemos tem a ver com o que somos?  
estamos onde gostaríamos de estar?
o que fazemos para "ser" quem realmente e essencialmente somos?
quais são nossas prioridades? elas tem algo a ver com o sentido de nossa vida...
o que temos feito para realizar o sentido de nossas vidas?
o que precisamos mudar?
seja o que for, comece pela sua mente!

adaptado a partir do texto e video produzido por Flávio Siqueira










quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

quem pensas que tu és?


“Torna-te o que és”
(Nietzsche - séc XIX)


O que você acha de você mesmo é uma abstração subjetiva: tal conceito se construiu lentamente ao longo de sua existência social, cultural...
Cada um tem sua própria auto-imagem, mais ou menos condicionada ao contexto sócio-histórico (lugar, circunstâncias, época etc). 


Mas o que você é, de fato, quase sempre permanece incógnito, até para você mesmo

para pensar!!

Hábitos são inicialmente teias de aranha, depois, fios de arame.
(Provérbio Chinês)


quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

os primatas não são os únicos espertos

 7 aves assustadoramente inteligentes

Publicado . em Animais
 
Para a surpresa daqueles que só se lembram de papagaios e pombos-correio quando se fala de inteligência de aves, preparamos uma lista com 7 que se destacam, seja na capacidade de usar ferramentas, seja na habilidade de caça.

7. Cacatua
Em experimento divulgado recentemente, pesquisadores da Europa desafiaram 10 cacatuas não treinadas a abrir uma caixa que tinha cinco fechaduras diferentes – a recompensa era uma noz. Um dos animais conseguiu abrir a caixa em menos de duas horas sem ajuda; os outros também conseguiram, embora tivessem observado um companheiro mais habilidoso ou analisado as fechaduras separadamente para poder aprender. Mesmo quando os cientistas modificaram o desafio (tirando uma trava ou mudando a ordem das outras), as aves conseguiram resolvê-lo.

6. Corvo-da-nova-caledônia
Considerada uma das espécies de ave mais inteligentes do mundo, esse corvo é capaz de usar ferramentas simples (como gravetos) para alcançar alimentos – uma habilidade que não é encontrada em outros não primatas. Um estudo realizado na Universidade de Oxford (Reino Unido) mostrou que o corvo-da-nova-caledônia consegue até mesmo modificar uma ferramenta (no experimento, duas aves tinham que usar um gancho de arame para alcançar um alimento dentro de um pote; quando o primeiro corvo “roubou” o gancho, o segundo dobrou um pedaço de arame que tinha por perto, para substituir a ferramenta perdida).


5. Calau-africano
Até onde se sabe, o calau-africano é um dos únicos animais capazes de compreender a linguagem de outra espécie. Pesquisadores da Universidade de St. Andrews (Reino Unido) descobriram que o calau entende os chamados do macaco-diana, que emite um alerta específico para cada tipo de predador que encontra. Ao ouvir um alerta que indica a presença de uma águia, a ave foge; quando o alerta se refere a um leopardo, porém, ela continua onde está, já que entende que não está sob ameaça.
4. Gaivotas
Mergulhar de grandes alturas para capturar alimento não é tarefa simples e, para o azar de peixes e turistas em regiões costeiras, as gaivotas fazem isso muito bem – não importa se o alimento em questão é um peixe ou um sorvete.

3. Cormorão
Por falar em habilidade de caça, o cormorão vai ainda mais longe que as gaivotas, mergulhando até 46 metros debaixo d’água em busca de suas presas, uma habilidade extremamente rara entre aves – que normalmente pescam pouco abaixo da superfície do mar. Uma câmera nas costas deste animal capturou o impressionante mergulho:

2. Pega-rabuda
Comum na Ásia, na Europa, na América do Norte e no norte da África, esse pássaro tem a fama de “mão leve”, pois rouba sem dificuldade objetos coloridos e brilhantes.
1. Abutre-do-egito
Essa ave é conhecida por se alimentar de ovos de avestruz e por usar uma ferramenta para isso. Como a casca desses ovos é extremamente resistente, o abutre-do-egito usa uma pedra que encontra por perto para “martelar” o ovo até quebrar sua casca.


Fonte: HypeScience / Phys.org / BBC / Dallas Zoo / National Geographic.


FONTE: http://www.portaldomeioambiente.org.br/noticias/animais/7516-7-aves-assustadoramente-inteligentes